If you are having trouble logging in, please clear your cookies 

Feedback

Choose your language

Close

Transporte seguro de pó para impressão 3D

Transporte seguro de pó para impressão 3D

Data 04/12/2019

Com os transportadores a vácuo piFLOW®p SMART da Piab, o pó de produção pode ser facilmente transferido aos sistemas de manufatura aditiva (impressão 3D) sem qualquer problema de poluição por material particulado aos funcionários. Graças aos recursos de inteligência e auto-aprendizagem do sistema, nenhuma configuração e teste tedioso são necessários - basta pressionar o botão Iniciar.

Hoje, todos estão falando sobre fabricação aditiva ou impressão 3D como uma das tecnologias futuras para atender à crescente demanda por produtos personalizados ou customizados. Originalmente usada como uma solução mais simples em protótipos, cada vez mais peças únicas estão sendo produzidas usando essa tecnologia. Mas, enquanto define padrões na realização de produtos, muitas etapas do processo ainda são manuais. Isto inclui, em particular, a carga do equipamento de produção com o correspondente pó de plástico ou metal. Um projeto de local de trabalho ergonômico é necessário para evitar dores nas costas dos funcionários que lidam com o peso dos contêineres, bem como a exposição ao material particulado em si.

O uso da tecnologia de transporte a vácuo pode ajudar a proteger as pessoas, o produto em si e o meio ambiente. Como fornecedora das indústrias farmacêutica, química e alimentícia, a Piab enfrenta esse problema diariamente e conta com 40 anos de experiência.
 Assim, o transportador a vácuo piFLOW®p SMART foi desenvolvido como um sistema fechado para solucionar este problema. Filtros no transportador a vácuo, bem como filtros de ar de exaustão adicionais na bomba de vácuo, evitam a dispersão de poeira fina do sistema no local de trabalho e, assim, permitem com que os funcionários não entrem em contato com essas substâncias. Isso garante um ambiente de trabalho limpo, onde os riscos para saúde são reduzidos, tanto quanto possível. Ao mesmo tempo, o pó é protegido contra a contaminação por influências ambientais com perda de qualidade correspondente.

Como se torna sempre importante garantir que pós e granulados sejam transportados de maneira controlada para os equipamentos de dosagem e mistura, o recurso de auto-ajuste do novo transportador a vácuo piFLOW®p SMART automatiza o processo de transporte de pó e a grãos. Baseado em sua renomada tecnologia de ejetor COAX®, o piFLOW®p SMART é pré-programado com algoritmos avançados para eliminar configurações complexas do temporizador manual e permite o ajuste fino automático adaptativo contínuo do processo de transporte, bem como o manuseio de receitas. A capacidade de se ajustar independentemente a diferentes requisitos melhora tremendamente o ciclo de transporte. Equipado com tecnologia de sensor avançada, ele otimiza e aumenta a produtividade em até 50% a mais em comparação com os sistemas de transporte convencionais. A coleta e análise inteligentes de dados de controle elétrico para otimização geral do processo e ajuste em tempo real tornam-se parte da rotina diária.

Além dos recursos relacionados à Indústria 4.0, como o IO-Link, e a capacidade de pré-configuração, o novo transportador a vácuo piFLOW®p SMART está equipado com outros elementos que permitem um manuseio mais fácil e seguro do produto. Eles incluem, entre outros, limpeza automática de filtros, choque de múltiplos de filtros, função de segurança de bloqueio do material e filtros e vedações antiestáticos, mediante solicitação. O sistema também reconhece e evita o enchimento excessivo ou, respectivamente, que o recipiente esteja vazio. Dessa forma, todo o volume de enchimento do contêiner pode ser utilizado, o que otimiza o rendimento do material.

O tempo de produção no processo de impressão 3D pode ser relativamente longo e os tempos de transporte ativo são baixos. Graças ao desligamento automático da bomba de vácuo inativa, o transportador a vácuo piFLOW® SMART é muito eficiente em termos energéticos, especialmente em comparação com as bombas mecânicas, que devem continuar a funcionar mesmo sem transporte. Portanto, os custos de energia para a transferência e o enchimento automatizados permanecem baixos. Alternativamente, também é concebível que um transportador a vácuo em uma plataforma móvel alimente várias impressoras 3D que usam o mesmo pó.

Além do transporte do novo pó, os transportadores a vácuo também são usados para retornar o excesso de pó da produção de volta ao ciclo de produção. Neste caso, o pó remanescente é absorvido por meio de uma lança de alimentação usando a bomba de vácuo do transportador e é entregue através de uma peneira em um recipiente. A partir daí, o pó é devolvido ao ciclo de produção através do transportador a vácuo através de uma mangueira.
 Desta forma, o ciclo é fechado, os recursos são poupados e o desperdício é evitado. Isso reduz custos e protege o meio ambiente.

Para a própria Piab, a fabricação aditiva como tecnologia de produção é muito interessante. Atualmente, garras personalizadas para o manuseio de embalagens flexíveis de alimentos são produzidas por este processo. Em particular, o potencial de construção leve é uma grande vantagem para as aplicações Cobot, além da possibilidade de projeto customizado.

 

Piab AB © 2020 Aviso de privacidade

Siga-nos

Contate-nos